(11) 5182-5800 - (11) 5181-7700
insetcenter@cupimfim.com.br

Brocas ou Carunchos/Coleóptero

CUPINS COLEÓPTEROS

Coleópteros pertencem à ordem dos insetos, com cerca de mais de 350.000 espécies descritas, o que corresponde a 40% da Classe Insecta (todos os insetos catalogados no mundo).

Variam de tamanho desde menos de 1 mm até 200 mm de comprimento e podem ser encontrados em todos os ambientes que outros insetos habitam. O mesmo pode ser dito em relação aos hábitos alimentares, apenas 950 (aproximadamente) espécies são xilófagas (se alimentam de madeira), outros são predadores, alguns são necrófagos, fitófagos e micetófagos e poucos são parasitas. Alem dos besouros os mais comuns conhecidos da dona de casa são aqueles encontrados no feijão, milho, farinha, etc., chamados de caruncho.

Da ordem “Coleóptera” várias são as famílias que possuem espécies xilófagas, tais como Cerambycidas, Scolycidae, Playpodidas, Bostrychidae, Lyctidae e Anobiidae, as duas ultimas famílias são características de madeiras secas, estas são as mais comuns em nossos armários, portas, etc.

O ciclo de vida desses insetos passa por quatro estágios distintos, ovo, larva, pupa e adulto.

O ataque inicia-se na ovoposição (de 30 até 400 ovos) na superfície da madeira (período de incubação de uma a três semanas), que após a eclosão destes ovos, as larvas irão penetrar pelos poros ou aberturas naturais da madeira, não perfurando ou deixando sinais de ataque.

As espécies xilófagas na sua maioria atacam a madeira no estágio larval chamado pelos marceneiros de “brocas”, nesta fase é que passam o maior período de suas vidas se alimentando e degradando a madeira, este período geralmente é de um a quatro anos, mas a relatos de até dezesseis anos, dependendo da espécie e condições ambientais. Alimentam-se principalmente de madeiras brancas ou de alburnos já secos, em alguns casos atacam também o cerne.

Quando esta larva, depois de passar pelo estagio de pupa dentro da madeira, atinge a fase adulta, então um pequeno besouro alado chamado de caruncho sai da madeira e é quando visualizamos um pequeno orifício e o pó fino como de farinha ou fubá.

Na fase (adulta) têm o objetivo único de reprodução, saem da madeira para copular e depois voltam na madeira apenas para depositar seus ovos. Nesta fase viverão pouco tempo questão de semanas e na maioria das espécies já não se alimentam mais da madeira.